O evento mais charmoso de Chapada.

Desde 2018, o Geodésica in Blues Festival tem dedicado esforços para fazer parte do circuito nacional de blues, a exemplo de outras cidades que já oferecem um evento com a proposta do blues por diversos anos, Caxias do Sul, Ibitipoca, Rio das Ostras, Guaramiranga, Tiradentes, entre outras.

Um evento para toda a família apreciar o blues!

Para 2019, a curadoria pretende trazer nomes importantes que representam o estilo blues em sua essência, para servir o público presente com a melhor qualidade musical possível. É isso que nos conquista e nos agrada em trabalhar para fazer o evento mais charmoso de Chapada.

O Geodésica in Blues também traz na sua proposta desde as edições anteriores, oferecer espaço para apresentações de músicos/artistas, bandas locais. Com pouco espaço até então no cenário mato-grossense, o festival é um momento onde os valores musicais e talentos do Estado, podem se dedicar ao estilo para demonstrar que temos força e a essência do blues para oferecer com muita qualidade. E, assim deixar o estilo fortalecido e amadurecendo junto ao público local, bem como demonstrar para as casas de shows, bares, produtores e eventos regionais, um pouco do blues que temos por estas bandas.

Com essas duas propostas iniciais, o evento que é anual, fomenta o turismo em Chapada dos Guimarães, com presença de público diferenciado, movimentando e aquecendo a economia da cidade, com retorno satisfatório aos comerciantes, hotelaria, gastronomia etc., atingindo toda a cadeia produtiva da cidade, através de público consumidor qualitativo.

Por fim, a proposta estética do festival, promove a integração do fator aconchegante e bucólico da cidade, criando um ambiente de muito charme e receptividade, onde a praça da matriz abraça o festival, reunindo no espaço do evento, público, famílias, música e arte, que gratificam os olhos e aquecem a alma. É o blues, fluindo pelo ar de Chapada, agraciado com o charme da cidade e a presença carinhosa do público apreciador.

O fator sustentabilidade não poderia ficar de fora, por isso a organização do evento promove ações de conscientização do público, oferecendo estrutura organizada para dispensa e coleta do lixo produzido, além de acompanhar toda a limpeza do local após a realização, deixando a cidade limpa e preservada.

Celso Blues Boy – Foto: Livio Costa

Homenageado do Ano:
A cada edição o GiB irá homenagear um nome do blues brasileiro. Nesta 4ª edição, nada menos que o imortal Celso Blues Boy. Um ícone inesquecível do blues no Brasil, que trouxe em seus álbuns, a música norte-americana com letras em bom português. Cantando o dia-a-dia e a vida de um bluesman em terras tupiniquins, Celso foi reconhecido pelo estilo e a levada blues em toda a sua obra, que vai pro rock n roll com as mesmas características dos grandes nomes do Blues mundial. Teve o privilégio de ser o único brasileiro agraciado com uma participação do nada pouco conhecido B. B. King, em uma faixa do seu álbum Indiana Blues, gravado em 1996. B.B. King tocou guitarra e cantou nessa gravação, a música se chama Mississipi. Celso teve 12 álbuns lançados e deixou seu nome escrito na história do blues, por isso é o nosso homenageado do ano.

LINE UP:
Em Breve!

Internacional
Para esta edição, estamos em estágio avançado de negociação com um artista de Chicago-EUA, a intenção é que tenhamos a nossa primeira atração internacional, vindo direto dos EUA para o palco de Chapada. Todos os esforços estão voltados para essa concretização, e teremos a grata satisfação de oferecer ao público um nome com o peso da história do blues mundial, em breve teremos essa definição.. fica o suspense..

Atrações Nacionais

Também em fase final de contratação, já temos datas reservadas e garantidas com 3 atrações vindas de outros Estados, (PR), (RJ e SP), (MS). Nomes do blues que certamente serão a garantia de uma sequência de sucesso entre a edição passada e esta edição. É o nosso trabalho para para evoluir a história do festival em uma sequência de crescimento, fortalecendo o estilo e tornando o blues cada vez mais presente da memória do público e dos visitantes da cidade a cada ano.

Atrações Locais (MT)

Serão no total 4 atrações do nosso Estado, e a novidade nesta edição é a seletiva, disponível para todos os artistas/músicos, bandas, que tenham interesse de compor o lineup, de onde sairá uma atração selecionada mediante o edital. Divulgado com bastante antecedência, o edital busca selecionar atrações que também estarão fazendo parte da história do Festival, fomentando a música, gravando seu nome, mostrando seu trabalho e aproveitando um momento único do ano, onde o blues é o estilo musical oferecido ao público com exclusividade, estrutura, e toda uma equipe de produção dedicada.

As bandas locais são parte importante da proposta do festival, unindo o empenho da organização com o talento dos nossos artistas blueseiros locais, e, fazendo a integração dos nossos talentos locais com nomes conhecidos de outros Estados, assim, o circuito de blues nacional passa a reconhecer Chapada dos Guimarães, como um dos destinos turísticos que oferece em seu trade uma opção de evento voltado para o blues local, nacional e agora, quem sabe, internacional!

« 1 de 2 »